terça-feira, julho 5, 2022
30 C
São Vicente
30 C
Santos
27.8 C
Peruíbe
30 C
Praia Grande
27.9 C
Itanhaém
29.9 C
Guarujá
29.8 C
Mongaguá
30 C
Bertioga

Famílias da Vila dos Pescadores em Cubatão serão cadastradas

Leia mais

Toten é atropelado por Caminhão de Lixo no Rio Branco em S.Vicente

Nesta manhã de terça feira (5), um toten de segurança da prefeitura de São Vicente foi atingido por um caminhão de lixo.

Bandidos armados se passam por cliente e roubam loja de manutenção de celular em S.V

Dois criminosos são flagrados roubando uma loja de manutenção de celular em São Vicente, na Baixada Santista. O roubo...

Corpo é encontrado dentro de canal de Praia Grande

O corpo de um homem foi encontrado em um canal próximo ao Bairro Aviação, em Praia Grande, na Baixada Santista, na manhã...

Professora realiza sonho de criança autista de voar

Uma criança com transtorno do espectro autista, de apenas 10 anos, realizou o sonho de voar de helicóptero graças a atitude de...

A Prefeitura de Cubatão inicia nesta quinta-feira (25), a atualização cadastral das famílias que residem no núcleo Vila dos Pescadores. No último levantamento, realizado em 2006, foram identificadas 3 mil moradias. A diretora de Desenvolvimento Comunitário, Lucimeire de Mendonça Silva, estima que, atualmente, este número deve ter aumentado para 4 mil imóveis, onde vivem cerca de 12 mil pessoas.

A atualização cadastral, dividida em duas fases, será realizada pela empresa Painel Pesquisas e Consultoria. Na primeira etapa, o núcleo será mapeado a partir de imagens captadas por drone. Engenheiros analisarão os dados, com a identificação das moradias e vias de acesso, o que deve ser concluído no prazo de 20 dias.

Na segunda fase, com duração de cerca de dois meses, o núcleo receberá a visita de pesquisadores. Munidos de tablets e devidamente uniformizados, os agentes cadastrarão as famílias. “Espero que os moradores atendam os pesquisadores. Eles seguirão os protocolos sanitários de prevenção à Covid”, afirmou Lucimeire. “Para a Prefeitura fazer o melhor para a comunidade, é preciso conhecer”.

Ela detalhou que as informações coletadas nas visitas domiciliares servirão de base para o planejamento de políticas públicas para o núcleo. “O levantamento inclui até mesmo o número de animais de estimação em cada residência”.

Os responsáveis pelas famílias que não forem localizados durante a ação dos pesquisadores devem recorrer ao plantonista que permanecerá na Unidade Municipal de Educação Pará, na entrada do núcleo. No plantão será possível atualizar o cadastro e também esclarecer dúvidas. Os responsáveis devem portar documento de identidade (RG e CPF) e um comprovante de residente (conta de água ou luz).

Fonte: Diário do Litoral

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Toten é atropelado por Caminhão de Lixo no Rio Branco em S.Vicente

Nesta manhã de terça feira (5), um toten de segurança da prefeitura de São Vicente foi atingido por um caminhão de lixo.

Bandidos armados se passam por cliente e roubam loja de manutenção de celular em S.V

Dois criminosos são flagrados roubando uma loja de manutenção de celular em São Vicente, na Baixada Santista. O roubo...

Corpo é encontrado dentro de canal de Praia Grande

O corpo de um homem foi encontrado em um canal próximo ao Bairro Aviação, em Praia Grande, na Baixada Santista, na manhã...

Professora realiza sonho de criança autista de voar

Uma criança com transtorno do espectro autista, de apenas 10 anos, realizou o sonho de voar de helicóptero graças a atitude de...

Mais um espaço exclusivo para pets inaugurado em Santos

O quarto espaço pet foi inaugurado em Santos, na Baixada Santista. Totalmente dedicado aos animais, localizado na Praça Nossa Senhora Aparecida.