segunda-feira, setembro 27, 2021
27.9 C
São Vicente
27.5 C
Santos
24.9 C
Peruíbe
28 C
Praia Grande
27.6 C
Itanhaém
27.4 C
Guarujá
28.9 C
Mongaguá
28 C
Bertioga

Aprovada a lei que determina afastamento de grávidas do trabalho presencial

Leia mais

AstraZeneca: Praia Grande suspende aplicação de 2ª dose do imunizante

Nesta segunda-feira (27), Praia Grande, na baixada santista, suspendeu temporariamente a aplicação da segunda dose da vacina de Oxford/AstraZeneca, após o imunizante...

Homem reage a assalto e persegue ladrão

Na tarde do último domingo (26), um homem reagiu a um assalto e saiu correndo atrás do criminoso em São Vicente, na...

Rap pagará multa de R$ 2,4 milhões à Justiça Federal por tráfico internacional de drogas

O narcotraficante André do Rap, foi condenado a pagar uma multa de mais de R$ 2,4 milhões à Justiça Federa, referente ao...

Porto de Santos: Receita localiza grande quantidade de munição em meio à carga importada

Na última quinta-feira (23), durante uma conferência em carga importada, a Receita Federal localizou grande quantidade de munição para armas de fogo...

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) aprovou um projeto de lei determindo o afastamento de atividades presenciais de funcionárias grávidas durante a pandemia, sem prejuízo na remuneração. A proposta foi aprovada pelo Senado em 15 de abril. O texto estabelece que as trabalhadoras gestantes deverão permanecer à disposição para exercer suas atividades remotamente, por meio do teletrabalho.

“Nesse cenário, a sanção presidencial é uma importante medida à preservação da entidade familiar e representa uma medida saudável para proteção das gestantes e, ao mesmo tempo, para utilização de sua força de trabalho de forma segura”, afirmou o governo, em nota.

A letalidade da Covid entre grávidas avançou neste ano. O número parece pequeno perto do total de vítimas brasileiras da pandemia, mas, proporcionalmente, chama atenção: em menos de três meses de 2021, o coronavírus matou quase metade do total de gestantes vítimas da doença no primeiro ano da enfermidade.

Entre 3 de janeiro e 20 de março deste ano, 119 grávidas morreram de Covid no país, 47% das 252 gestantes vitimadas em 2020.

No final de abril, o Ministério da Saúde decidiu incluir todas as gestantes e puérperas (até 45 dias do pós-parto) no grupo prioritário de vacinação contra a Covid-19. A medida consta de uma nota técnica da pasta divulgada aos estados e municípios.

Na nota técnica, a pasta diz que a decisão pela inclusão das gestantes na campanha de vacinação considerou possíveis riscos e benefícios, a situação epidemiológica do país e dados que apontam aumento no risco de hospitalização de pacientes com Covid neste grupo.

O ministério afirma também que, ainda que a segurança e eficácia das vacinas contra a Covid não tenham sido avaliadas em gestantes, vacinas de plataformas de vírus inativado (como é o caso da Coronavac) já são utilizadas por esse grupo de mulheres no Calendário Nacional de Vacinação, e levantamento feito pela pasta em recomendações nacionais e internacionais apontou parecer favorável à imunização.

Fonte:Folha Press

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

AstraZeneca: Praia Grande suspende aplicação de 2ª dose do imunizante

Nesta segunda-feira (27), Praia Grande, na baixada santista, suspendeu temporariamente a aplicação da segunda dose da vacina de Oxford/AstraZeneca, após o imunizante...

Homem reage a assalto e persegue ladrão

Na tarde do último domingo (26), um homem reagiu a um assalto e saiu correndo atrás do criminoso em São Vicente, na...

Rap pagará multa de R$ 2,4 milhões à Justiça Federal por tráfico internacional de drogas

O narcotraficante André do Rap, foi condenado a pagar uma multa de mais de R$ 2,4 milhões à Justiça Federa, referente ao...

Porto de Santos: Receita localiza grande quantidade de munição em meio à carga importada

Na última quinta-feira (23), durante uma conferência em carga importada, a Receita Federal localizou grande quantidade de munição para armas de fogo...

Doria anuncia volta de torcida aos estádios em SP a partir de outubro

Na última quinta-feira (23), o Governador João Doria anunciou, a liberação do acesso do público aos estádios nas partidas de futebol em...