sábado, maio 28, 2022
28.1 C
São Vicente
28.1 C
Santos
21.7 C
Peruíbe
28.1 C
Praia Grande
22.6 C
Itanhaém
23 C
Guarujá
22.8 C
Mongaguá
24 C
Bertioga

Anvisa aprova CoronaVac para crianças acima de 6 anos

Leia mais

Projeto ‘É Hora de Arte’ retorna em Praia Grande 

O projeto É Hora de Arte retorna para a Baixada Santista, com oficinas gratuitas de teatro, dança, circo e grafite para crianças de 7...

Motorista de aplicativo tenta dopá jovem durante corrida em Santos

Uma jovem alega que um motorista de aplicativo em Santos, na Baixada Santista, tentou dopá-la durante uma corrida. A vítima conta que,...

A partir de julho os quiosques do Gonzaguinha serão transferidos para o Itararé em São Vicente, SP 

Os quiosques da praia do Gonzaguinha serão transferidos para unidades da Praia do Itararé em São Vicente, na Baixada Santista. A medida foi...

Polícia localiza barraco do crime em Santos

A Polícia Civil em Santos, na Baixada Santista, localizou um barraco usado para preparo e estoque de drogas. Além das drogas, anotações...

Nesta quinta-feira (20), a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou por unanimidade, o uso o vacina CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan em parceria com a farmacêutica chinesa Sinovac em crianças e adolescentes de 6 a 17 anos.

Para a avaliação, a agência se baseou principalmente em dados de segurança e eficácia de estudos realizados no Chile sobre a imunização de crianças a partir de 6 anos.

O intervalo entre doses será de 28 dias. Por falta de dados sobre os impactos para imunossuprimidos, como pacientes com câncer ou transplantados, o imunizante não foi liberado para este grupo.

Dados de um estudo de fase 4 do Ministério da Saúde do Chile com quase 2 milhões de crianças. No público infantil imunizado com duas doses do imunizante, a eficaz encontrada na vacina foi de 74,23% para infecção pelo SARS-CoV-2, 74,12% para prevenção da doença sintomática da Covid-19, 90,24% para prevenção da hospitalização, 100% para prevenção de óbitos.

Os diretores destacaram a importância de ter mais uma opção de imunizante para acelerar a vacinação infantil e proteger esta população da variante de preocupação ômicron, que é altamente transmissível.

Diretor-presidente da Anvisa, Antonio Barra Torres destacou que a incorporação do imunizante ao Programa Nacional de Imunizações (PNI) depende de decisão do Ministério da Saúde.

Fonte: Veja

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Projeto ‘É Hora de Arte’ retorna em Praia Grande 

O projeto É Hora de Arte retorna para a Baixada Santista, com oficinas gratuitas de teatro, dança, circo e grafite para crianças de 7...

Motorista de aplicativo tenta dopá jovem durante corrida em Santos

Uma jovem alega que um motorista de aplicativo em Santos, na Baixada Santista, tentou dopá-la durante uma corrida. A vítima conta que,...

A partir de julho os quiosques do Gonzaguinha serão transferidos para o Itararé em São Vicente, SP 

Os quiosques da praia do Gonzaguinha serão transferidos para unidades da Praia do Itararé em São Vicente, na Baixada Santista. A medida foi...

Polícia localiza barraco do crime em Santos

A Polícia Civil em Santos, na Baixada Santista, localizou um barraco usado para preparo e estoque de drogas. Além das drogas, anotações...

26 de maio, Dia de Concientização Nacional do Glaucoma

Com o objetivo de conscientizar as pessoas sobre a doença que é a segunda maior causa de cegueira irreversível no mundo -...