quarta-feira, novembro 9, 2022
20.2 C
São Vicente
20.1 C
Santos
15 C
Peruíbe
20.1 C
Praia Grande
15.3 C
Itanhaém
17.3 C
Guarujá
15.9 C
Mongaguá
17 C
Bertioga

Vereador Jhony Sasaki, conversa com moradores idosos que temem ter os imóveis desapropriados

Leia mais

Fumar cotonete: nova moda entre jovens e crianças traz riscos à saúde

Um novo desafio do TikTok está preocupando os especialistas. Agora, uma nova tendência levanta riscos entre o público jovem: fumar cotonete. A...

Praia Grande abre processo seletivo para vagas de auxiliar de guarda-vidas temporário

Os interessados já podem se inscrever para o novo processo seletivo para as vagas remanescentes e temporárias de auxiliar de guarda-vidas, de...

PAT de Guarujá oferece 20 novas vagas de emprego

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Guarujá, na Baixada Santista, oferece 21 novas oportunidades de emprego. Há vagas para diversas...

Procon-SP alerta consumidores para a Black Friday

A Black Friday 2022, evento que promove descontos e ofertas, começa dia 25 de novembro no Brasil. O Procon-SP divulgou algumas recomendações...

São Vicente- Uma decisão judicial pode desapropriar centenas de moradias da Rua Constituição, no bairro Itararé. A triste notícia chegou no final de dezembro do ano passado e pode atingir cerca de 600 moradores. De acordo com o documento, eles terão que deixar suas residências até o dia 25 de fevereiro.

Entenda o caso: após os deslizamentos em morros da Baixada Santista no início de março do ano passado, o Ministério Público entrou com uma ação civil pública contra o Município cobrando informações e providências com referência à segurança dos moradores na encosta do Morro do Itararé.

Como resposta na ação, em agosto do ano passado, a Prefeitura de São Vicente através da Defesa Civil e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) realizaram um laudo provisório, emergencial e não-conclusivo sobre o Morro do Itararé. A análise desses órgãos que chegaram ao entendimento que o local poderia oferecer riscos aos moradores no período de chuva, que corresponde aos meses de dezembro a março.

O juiz da Vara da Fazenda Pública de São Vicente, com base a um laudo, mesmo que inconclusivo, decidiu retirar de forma emergencial todos os moradores.

A maioria já mora no local aproximadamente 30 anos

Segundo os moradores, a situação chegou a esse ponto pois a Prefeitura não apresentou a tempo um laudo técnico conclusivo de toda a extensão da encosta do morro. De acordo com um morador, existem pontos que já foram realizados reparos com construção de grampeamentos e muros de arrimos. Motivo como este que levou os moradores do condomínio Lucia Stela impetrar agravo de instrumento em instância superior que aguarda decisão judicial.

“Tomamos ciência desse caso há alguns dias e estão pedindo para que a gente saia já no mês que vem. Entramos na justiça pedindo um efeito suspensivo do caso e agora estamos aguardando com muito medo de sermos despejados”, afirma Marcos Ruiz, síndico do condomínio Lucia Stela, um dos prédios atingidos com a liminar.

Os moradores não se conformam, pois a maioria é formada por idosos que estão no grupo de risco para contaminação do Covid-19. Muitos já moram naquele local há mais de 30 anos. “Nós temos família. E a única solução que nos deram até agora foi um auxílio de R$ 300 por mês (Lei Municipal 2180A-09). Atualmente, não conseguimos pagar nenhum aluguel com essa quantia”, conta uma das moradoras, há cerca de 40 anos no local.

Uma das moradoras encaminhou a demanda ao vereador Jhony Sasaki, que recebeu o pedido e foi até o local. “Nosso corpo jurídico já analisou as documentações e vamos cobrar as medidas necessárias das autoridades. São muitas famílias que correm o risco de não ter aonde morar daqui a poucos dias. É uma situação delicada, mas precisamos encontrar uma solução”, afirma.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Fumar cotonete: nova moda entre jovens e crianças traz riscos à saúde

Um novo desafio do TikTok está preocupando os especialistas. Agora, uma nova tendência levanta riscos entre o público jovem: fumar cotonete. A...

Praia Grande abre processo seletivo para vagas de auxiliar de guarda-vidas temporário

Os interessados já podem se inscrever para o novo processo seletivo para as vagas remanescentes e temporárias de auxiliar de guarda-vidas, de...

PAT de Guarujá oferece 20 novas vagas de emprego

O Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT) de Guarujá, na Baixada Santista, oferece 21 novas oportunidades de emprego. Há vagas para diversas...

Procon-SP alerta consumidores para a Black Friday

A Black Friday 2022, evento que promove descontos e ofertas, começa dia 25 de novembro no Brasil. O Procon-SP divulgou algumas recomendações...

Destaque do carnaval paulista é achada morta em casa

Vítima de um infarto, um dos grandes nomes do carnaval paulista, a passista Michelle da Costa Chaga, conhecida como Michelle Mibow, de...