quinta-feira, junho 30, 2022
20 C
São Vicente
20 C
Santos
15.7 C
Peruíbe
20 C
Praia Grande
16.6 C
Itanhaém
19.9 C
Guarujá
19.8 C
Mongaguá
20 C
Bertioga

Médico faz apelo: “Estamos perdendo a guerra para o vírus”

Leia mais

Homem morre após ser atropelado pela própria máquina de trabalho em Cubatão

O operador Antônio Vieira da Silva, de 77 anos, morreu após ser atropelado pela retroescavadeira com que trabalhava em uma obra municipal...

Olha o golpe: cursos oferecidos pela prefeitura de São Vicente são falsos

Circula nas redes sociais o anúncio do “Programa Mais Educação”, no qual são oferecidos 1.000 cursos de capacitação. A ação de criminosos...

Falsos funcionários de seguradora levam mais de R$ 7 mil de idosa em São Vicente

Uma idosa de 74 anos caiu no golpe da seguradora bancária, por supostos funcionários da seguradora, em São Vicente, na Baixada Santista....

Policiais recuperam motocicletas roubadas em São Vicente

Polícia Militar recupera 9 motocicletas produto de furto, na madrugada desta quarta-feira (29). As motocicletas foram localizadas próximo...

O infectologista Evaldo Stanislau fez um apelo para a população de Santos, pedindo que as pessoas cumpram o isolamento social durante o período de lockdown na cidade.

Stanislau fez um apelo para que a população se conscientize sobre a importância de ficar em casa neste momento. “Queria cumprimentar quem está obedecendo as regras, usando máscara e praticando a higiene. Parabéns! E quem não está? E quem acha que é mais importante ir na praia, socializar, passear? Para esses, eu queria dar um recado: ‘nós estamos perdendo a guerra para o vírus’”, disse.

Segundo o médico, o momento exige um esforço dos santistas para que o município consiga diminuir o nível de contágio da doença nos próximos dias. Atualmente, Santos tem 92% de taxa de ocupação dos leitos de UTI para covid-19.

“A quantidade de pessoas esperando uma vaga para se internar é enorme. Mesmo que a pessoa interne, sobretudo se for em UTI e for intubada, a letalidade (chance de morrer de covid) é muito grande. Na falta da vacina – não tem vacina para todo mundo – e não vai ter vacina tão cedo para todo mundo, a única medida que nos cabe agora é o distanciamento. Então, eu faço um apelo: obedeçam as autoridades, fiquem em casa”, recomendou o infectologista.

Para Stanislau, caso o lockdown seja bem sucedido, Santos poderá em breve viver um cenário melhor, com uma queda nos números de casos e óbitos pela doença, bem como isso pode significar um alívio para a rede de saúde da cidade. “Vamos ser muito rigorosos nesses dias de restrição, para que daqui a 14 ou 20 dias, a gente consiga ao menos desacelerar a pandemia na nossa cidade e região. Lembrando que o sucesso do lockdown depende de cada um de nós fazer a sua parte”, concluiu.

Fonte: Santa Portal

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Homem morre após ser atropelado pela própria máquina de trabalho em Cubatão

O operador Antônio Vieira da Silva, de 77 anos, morreu após ser atropelado pela retroescavadeira com que trabalhava em uma obra municipal...

Olha o golpe: cursos oferecidos pela prefeitura de São Vicente são falsos

Circula nas redes sociais o anúncio do “Programa Mais Educação”, no qual são oferecidos 1.000 cursos de capacitação. A ação de criminosos...

Falsos funcionários de seguradora levam mais de R$ 7 mil de idosa em São Vicente

Uma idosa de 74 anos caiu no golpe da seguradora bancária, por supostos funcionários da seguradora, em São Vicente, na Baixada Santista....

Policiais recuperam motocicletas roubadas em São Vicente

Polícia Militar recupera 9 motocicletas produto de furto, na madrugada desta quarta-feira (29). As motocicletas foram localizadas próximo...

Greve pode deixar São Vicente sem ônibus nesta sexta-feira

Na última quinta-feira (23), os trabalhadores da Otrantur, empresa que opera o transporte público de São Vicente, em assembleia decretaram...