quarta-feira, dezembro 1, 2021
25.6 C
São Vicente
25.5 C
Santos
26.3 C
Peruíbe
29.6 C
Praia Grande
25 C
Itanhaém
25.2 C
Guarujá
26.3 C
Mongaguá
25.3 C
Bertioga

OMS: Solicita suspensão da venda de mamíferos vivos em mercados

Leia mais

Itanhaém conta com reforço de 90 guarda-vidas para temporada de verão

A cidade de Itanhaém, no litoral de São Paulo, conta com mais 90 guarda-vidas temporários para atuarem nas praias da cidade durante...

Santos abre 60 vagas para curso voltado ao empreendedorismo

A Secretaria de Empreendedorismo, Economia Criativa e Turismo de Santos, na Baixada Santista, e o Sebrae abriram 60 vagas do curso Primeiros...

Centro Histórico de Santos terá primeira quadra pública de basquete

A Prefeitura de Santos, na Baixada Santista, irá inaugurar a primeira quadra pública de basquete 3x3, no Centro Histórico da cidade. O...

Empreenda Rápido: Praia Grande abre inscrições para cursos gratuitos

A Prefeitura Praia Grande, na Baixada Santista, abriu inscrições para cursos gratuitos de cupcakes e de tortas e quiches. Os cursos, com...

A Organização Mundial de Saúde (OMS), assim como outras agências internacionais, recomendaram a suspensão, com urgência, da venda de mamíferos vivos em mercados. Segundo a OMS, a medida é necessária, já que mais de 70% dos vírus e patógenos que provocam doenças infecciosas em humanos, provém de espécies selvagens.

As orientações atentam para o fato de os animais serem abatidos e limpos em áreas abertas dos mercados, que podem ser contaminadas por fluidos corporais e outros rejeitos.

Isso eleva o risco de transmissão de patógenos para as pessoas e também para outros animais no local.

“Nós expedimos centenas de orientações desde o início da covid-19, então esta é mais uma. É também importante saber que a maioria das novas doenças infecciosas tem origem em animais selvagens. Suspender a venda insegura dos mamíferos vivos para alimentação reduzirá a chance de um novo vírus aparecer no futuro.”,  disse a representante da OMS, Fadela Chaib.

No ano passado, a China baniu o comércio de animais selvagens para o consumo humano. No entanto, brechas na lei permitem a criação de espécies que podem abrigar doenças.

Fonte: agência Brasil

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Itanhaém conta com reforço de 90 guarda-vidas para temporada de verão

A cidade de Itanhaém, no litoral de São Paulo, conta com mais 90 guarda-vidas temporários para atuarem nas praias da cidade durante...

Santos abre 60 vagas para curso voltado ao empreendedorismo

A Secretaria de Empreendedorismo, Economia Criativa e Turismo de Santos, na Baixada Santista, e o Sebrae abriram 60 vagas do curso Primeiros...

Centro Histórico de Santos terá primeira quadra pública de basquete

A Prefeitura de Santos, na Baixada Santista, irá inaugurar a primeira quadra pública de basquete 3x3, no Centro Histórico da cidade. O...

Empreenda Rápido: Praia Grande abre inscrições para cursos gratuitos

A Prefeitura Praia Grande, na Baixada Santista, abriu inscrições para cursos gratuitos de cupcakes e de tortas e quiches. Os cursos, com...

Carro passa atirando em vários Bairros da cidade, deixando três pessoas feridas

Munícipes de São Vicente, na Baixada Santista, passaram por momentos de medo e susto, por causa de ocupantes de um carro e...