quinta-feira, setembro 23, 2021
17.4 C
São Vicente
17.3 C
Santos
16.8 C
Peruíbe
17.4 C
Praia Grande
17.4 C
Itanhaém
17.8 C
Guarujá
17.1 C
Mongaguá
19.3 C
Bertioga

Jhony Sasaki leva pedido a Rosana Valle para que condutores escolares de SV recebam auxílio emergencial

Leia mais

Queiroga diz estar preocupado com a saúde; não com repercussão de gesto obsceno

Nesta quarta-feira (22), O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, diagnosticado com Covid-19,  falou sobre a repercussão de sua reação a um protesto de...

Fiocruz desenvolve teste molecular para detectar hanseníase

Após décadas de pesquisas, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) desenvolveu o primeiro teste molecular para hanseníase, inédito no país. Trata-se do Kit...

ketchup: Heinz lança edição especial com rótulo “plantável”

A Heinz lança uma promoção que dará 300 embalagens de seu ketchup com rótulos plantáveis. Convidando o consumidor a plantar e cultivar...

Mutirão da catarata: Pacientes que perdem a visão após cirurgia; buscam por justiça

Em um mutirão realizado em julho de 2017, no Ambulatório Médico de Especialidades (AME) de Praia Grande, na baixada santista. Três idosos passaram...

O vereador eleito de São Vicente, Jhony Sasaki, levou alguns membros da Associação de Condutores Escolares de São Vicente (Acesv) para conversar com a deputada federal Rosana Valle. Eles representam 70 profissionais que estão sem trabalho e renda desde março, início da pandemia da Covid-19.

Os motoristas pediram ajuda ao vereador eleito que encaminhou a demanda à deputada para viabilizar um auxílio emergencial para que possam sobreviver, uma vez que não há uma previsão sobre a volta às aulas.

Os pais deixaram de contratar os serviços desta categoria, que também sofre com a falta de alternativas de trabalho, pois foram suspensas as excursões e passeios, que poderiam representar uma forma de sobrevivência.

Rosana Valle (à esquerda) e Jhony Sasaki (à direita)

Jhony Sasaki explicou que os condutores chegaram a receber dois kits alimentação da Prefeitura de São Vicente, isenção da cobrança de ISS e a suspensão das vistorias exigidas por lei.

“Mas esta ajuda é insuficiente para que eles possam sobreviver”, disse o vereador eleito. Rosana Valle havia proposto, em julho, a aprovação de uma lei de abrangência nacional para o pagamento de um auxílio emergencial à categoria em todo o País. A deputada também pediu às prefeituras da região uma ajuda nesse sentido, da mesma forma que solicitou suspensão da cobrança das taxas aos ambulantes.

Membros da associação pedem para receber auxílio emergencial

A Prefeitura de Santos pagou R$ 2 mil, em duas parcelas, aos condutores de transporte escolar que atuam em Santos. Praia Grande também pagou um auxílio. Rosana Valle pedirá ao prefeito de São Vicente, Pedro Gouvêa, o pagamento do benefício aos membros da Acesv.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Queiroga diz estar preocupado com a saúde; não com repercussão de gesto obsceno

Nesta quarta-feira (22), O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, diagnosticado com Covid-19,  falou sobre a repercussão de sua reação a um protesto de...

Fiocruz desenvolve teste molecular para detectar hanseníase

Após décadas de pesquisas, a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) desenvolveu o primeiro teste molecular para hanseníase, inédito no país. Trata-se do Kit...

ketchup: Heinz lança edição especial com rótulo “plantável”

A Heinz lança uma promoção que dará 300 embalagens de seu ketchup com rótulos plantáveis. Convidando o consumidor a plantar e cultivar...

Mutirão da catarata: Pacientes que perdem a visão após cirurgia; buscam por justiça

Em um mutirão realizado em julho de 2017, no Ambulatório Médico de Especialidades (AME) de Praia Grande, na baixada santista. Três idosos passaram...

TJ-SP exigirá comprovante de vacinação contra a covid-19 para liberar acesso de entrada em Fóruns

A partir da próxima segunda-feira (27), o Tribunal de Justiça (TJ) passará a exigir o comprovante de vacinação contra a Covid para...