sábado, novembro 5, 2022
20 C
São Vicente
19.9 C
Santos
16.6 C
Peruíbe
20 C
Praia Grande
17.9 C
Itanhaém
19.9 C
Guarujá
19.8 C
Mongaguá
20 C
Bertioga

Registrada a primeira morte por dengue em São Vicente neste ano

Leia mais

Tutora de labradora com câncer na pata vende camisetas para custear tratamento de R$ 20 mil

Foi um susto para Thaís Câmara, de 27 anos, tutora da labradora de apenas dois anos, diagnosticada com sarcoma (tumor maligno) na...

Suspeito de estar envolvido na morte de PM em feira livre é preso em São Vicente, SP

Um criminoso envolvido na morte do policial militar Amável Pinheiro Correa, de 71 anos, foi preso em uma comunidade de São Vicente, na...

Por falta de manutenção, cobertura do Deck do Pescador desaba em São Vicente

A cobertura do Deck do Pescador desabou em São Vicente. O acidente ocorreu após uma pequena fogueira que foi montada na estrutura....

Avião da FAB que desapareceu é encontrado totalmente destruído; dois ocupantes morreram

O avião da Força Aérea Brasileira (FAB) que estava sumido em Santa Catarina foi encontrado neste sábado (5) em uma área de mata de Canelinha,...

Com pesar, a Prefeitura de São Vicente informa a primeira morte por dengue de um morador da Cidade, em 2021. Trata-se de um homem de 41 anos, morador da Vila Margarida e trabalhador do setor de manutenção de edificações. Apesar de ser morador de São Vicente, o paciente faleceu em Santos.

A Secretaria de Saúde (Sesau) de São Vicente está monitorando a região onde esse morador residia a fim de orientar a vizinhança e o bairro vai receber os agentes de combate à dengue.

Até o momento, a Cidade contabiliza 66 casos de dengue e 29 casos de chikungunya, neste ano.

Mutirões estão sendo realizados em diversas regiões da Cidade, com agentes percorrendo casas, prédios, terrenos e estabelecimentos comerciais, com o objetivo de eliminar os depósitos de água parada e recolher materiais inservíveis para evitar uma epidemia de doenças transmitidas pelo vetor Aedes aegypti.

Vale ressaltar que a melhor forma para prevenir o mosquito ainda é eliminar toda água armazenada, que pode se tornar um criadouro. É importante manter a caixa d’água fechada, lavar os tanques semanalmente com escova e sabão, encher os pratos das plantas de areia até a borda, manter calhas limpas, colocar o lixo em sacos plásticos e com a lixeira sempre fechada.

Para munícipes que queiram realizar denúncias, o Departamento de Controle de Doenças Vetoriais (Decodove) disponibiliza o número 0800 771 0037. É importante que o denunciante forneça os dados sobre o local onde se encontra a irregularidade, facilitando o trabalho dos agentes.

Fonte: Diário do Litoral

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Tutora de labradora com câncer na pata vende camisetas para custear tratamento de R$ 20 mil

Foi um susto para Thaís Câmara, de 27 anos, tutora da labradora de apenas dois anos, diagnosticada com sarcoma (tumor maligno) na...

Suspeito de estar envolvido na morte de PM em feira livre é preso em São Vicente, SP

Um criminoso envolvido na morte do policial militar Amável Pinheiro Correa, de 71 anos, foi preso em uma comunidade de São Vicente, na...

Por falta de manutenção, cobertura do Deck do Pescador desaba em São Vicente

A cobertura do Deck do Pescador desabou em São Vicente. O acidente ocorreu após uma pequena fogueira que foi montada na estrutura....

Avião da FAB que desapareceu é encontrado totalmente destruído; dois ocupantes morreram

O avião da Força Aérea Brasileira (FAB) que estava sumido em Santa Catarina foi encontrado neste sábado (5) em uma área de mata de Canelinha,...

Incêndio em boate mata 13 pessoas

Um incêndio em uma boate na cidade russa de Kostroma, deixa pelo menos 13 pessoas mortas. O fogo...