quarta-feira, dezembro 1, 2021
25.6 C
São Vicente
25.5 C
Santos
26.3 C
Peruíbe
29.6 C
Praia Grande
25 C
Itanhaém
25.2 C
Guarujá
26.3 C
Mongaguá
25.3 C
Bertioga

Reforma na ponte do Rio do Poço é cobrada por população de Itanhaém

Leia mais

PAIXÃO DE GERAÇÃO: estética e bem-estar une mãe e filha

No esquina das ruas Bento Viana e Santa Cruz, mãe e filha seguem unidas, há mais de dez anos, a mesma missão:...

Itanhaém conta com reforço de 90 guarda-vidas para temporada de verão

A cidade de Itanhaém, no litoral de São Paulo, conta com mais 90 guarda-vidas temporários para atuarem nas praias da cidade durante...

Santos abre 60 vagas para curso voltado ao empreendedorismo

A Secretaria de Empreendedorismo, Economia Criativa e Turismo de Santos, na Baixada Santista, e o Sebrae abriram 60 vagas do curso Primeiros...

Centro Histórico de Santos terá primeira quadra pública de basquete

A Prefeitura de Santos, na Baixada Santista, irá inaugurar a primeira quadra pública de basquete 3x3, no Centro Histórico da cidade. O...

População cobra o início de obras de reforma na ponte do Rio do Poço, na rua dos Fundadores, no bairro Belas Artes, em Itanhaém. É uma das medidas urgentes apontadas pela população que poderá diminuir as constantes enchentes provocadas pelas águas das chuvas no bairro.

A reportagem esteve no local nesta semana para verificar a situação da ponte e ouvir a população. Próximo à ponte já havia uma placa anunciando a obra – “Ampliação e transposição do Rio do Poço, com um investimento de R$ 692.440,90”.

“No domingo (21), com as chuvas fortes nem carros ou motos podiam passar pela rua dos Fundadores, somente os ônibus circulavam. As águas do Rio do Poço transbordaram e gerou um enorme alagamento no local”. A afirmação é do vendedor Ivan Alves, funcionário de um comércio na mesma rua.

Para ele essa é uma obra de urgência, já que na Rua dos Fundadores existem vários estabelecimentos comerciais que recebem e entregam mercadorias aos clientes. Além de ser uma importante via de acesso aos bairros Belas Artes, Cibratel e Praia do Sonho.

Outra reclamação é feita pelo vendedor Vitor Hugo, em uma loja de pet shop na rua. Segundo ele, é necessário não somente elevar a ponte, mas também trocar as tubulações das águas pluviais na via, para dar mais vazão às águas das chuvas.

“A população precisa colaborar e não jogar lixo no leito do rio, o que piora a situação das enchentes”, alerta. No leito do rio do Poço havia bastante lixo, como garrafas pets, sacolas plásticas e outros, além de mato alto nas laterais do local.

ALERTA.
O vereador Rutinaldo Bastos (Podemos) também fez um alerta, na sessão da Câmara de segunda-feira (22), sobre as chuvas intensas que causaram alagamentos nas áreas de interligação dos bairros Praia do Sonho, Belas Artes, no trevo de entrada da Cidade no Jardim Laranjeiras e no Jardim Coronel.

“É um problema bastante antigo e que exige providências urgentes e imediatas. Tem que haver projetos por parte da Administração para adotar medidas de prevenção às enchentes no município”.

Segundo o vereador, na sessão de hoje (1º), ele vai apresentar um requerimento ao Executivo para obter informações sobre se há um levantamento dos locais onde ocorrem os alagamentos, quais são os projetos e os custos para solucionar tais
problemas.

A obra de elevação da ponte do Rio do Poço, no Belas Artes, já havia sido anunciada pelo ex-prefeito de Itanhaém Marco Aurélio Gomes (PSDB), em agosto de 2020. O objetivo seria para dar mais vazão às águas das chuvas e que o contrato já estava firmado.

OUTRO LADO.
A prefeitura de Itanhaém, por sua vez, confirma que fez um contrato com a firma TMK engenharia S/A, em 4 de maio de 2020, para as obras de aumento da vazão das pontes no Rio do Poço, na avenida Gonçalo Monteiro (Cibratel) e na rua dos Fundadores (Belas Artes).

A administração afirmou que os recursos para as referidas obras são um repasse de convênio com a Secretaria de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, no valor de R$ 692.440,90. Afirma ainda que as obras foram iniciadas pela ponte da Avenida Gonçalo Monteiro, no Cibratel, e que já foram
concluídas.

Sobre as obras da ponte na Rua dos Fundadores explica que ainda não foram iniciadas devido à temporada de verão e às obras da rede coletora de esgoto, feitas pela Sabesp, nas proximidades, mas que estão previstas a instalação de três linhas de aduelas de 2,5mx2,0m, aumentando a vazão da ponte. A prefeitura diz ainda que para o início das obras aguarda a entrega das aduelas, prevista para o dia 15 de março. O prazo para a conclusão é de quatro meses e com a execução das obras, a ponte será interditada, por algum tempo, inclusive para pedestres. 

Fonte: Diário do Litoral

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

PAIXÃO DE GERAÇÃO: estética e bem-estar une mãe e filha

No esquina das ruas Bento Viana e Santa Cruz, mãe e filha seguem unidas, há mais de dez anos, a mesma missão:...

Itanhaém conta com reforço de 90 guarda-vidas para temporada de verão

A cidade de Itanhaém, no litoral de São Paulo, conta com mais 90 guarda-vidas temporários para atuarem nas praias da cidade durante...

Santos abre 60 vagas para curso voltado ao empreendedorismo

A Secretaria de Empreendedorismo, Economia Criativa e Turismo de Santos, na Baixada Santista, e o Sebrae abriram 60 vagas do curso Primeiros...

Centro Histórico de Santos terá primeira quadra pública de basquete

A Prefeitura de Santos, na Baixada Santista, irá inaugurar a primeira quadra pública de basquete 3x3, no Centro Histórico da cidade. O...

Empreenda Rápido: Praia Grande abre inscrições para cursos gratuitos

A Prefeitura Praia Grande, na Baixada Santista, abriu inscrições para cursos gratuitos de cupcakes e de tortas e quiches. Os cursos, com...