terça-feira, julho 5, 2022
30 C
São Vicente
30 C
Santos
27.8 C
Peruíbe
30 C
Praia Grande
27.9 C
Itanhaém
29.9 C
Guarujá
29.8 C
Mongaguá
30 C
Bertioga

Cadela que havia sumido em uma conexão de voo da Gol é encontrada

Leia mais

Toten é atropelado por Caminhão de Lixo no Rio Branco em S.Vicente

Nesta manhã de terça feira (5), um toten de segurança da prefeitura de São Vicente foi atingido por um caminhão de lixo.

Bandidos armados se passam por cliente e roubam loja de manutenção de celular em S.V

Dois criminosos são flagrados roubando uma loja de manutenção de celular em São Vicente, na Baixada Santista. O roubo...

Corpo é encontrado dentro de canal de Praia Grande

O corpo de um homem foi encontrado em um canal próximo ao Bairro Aviação, em Praia Grande, na Baixada Santista, na manhã...

Professora realiza sonho de criança autista de voar

Uma criança com transtorno do espectro autista, de apenas 10 anos, realizou o sonho de voar de helicóptero graças a atitude de...

Neste domingo (30), se encerrou um drama, iniciado há 45 dias com desfecho feliz. A cadela Pandora, que havia sumido durante uma conexão de um voo da companhia aérea Gol, foi finalmente encontrada e devolvida ao seu dono, Reinaldo Júnior.

A notícia foi divulgada em um perfil do Instagram criado especialmente para ajudar nas buscas de Pandora.

Pandora foi encontrada por funcionários do Terminal 3 do Aeroporto Internacional de Guarulhos e logo foi levada para o encontro com seu dono, que estava hospedado em Guarulhos também.

Logo após o reencontro, Pandora passou por exames em uma clínica veterinária. A própria postagem do Instagram que noticiou o encontro da cadela diz que a pet está bem mas um “pouco magrinha”.

Entenda o caso

Em 15 de dezembro, em um voo da Gol, Pandora teria escapado de sua caixa de transporte especial no Aeroporto Internacional de Guarulhos.

Na época, a Gol teria dito para Reinaldo que Pandora destruiu a caixa de transporte e fugido. Câmeras de segurança chegaram a flagrar Pandora correndo pelo terminal de cargas do aeroporto.

O Tribunal de Justiça de São Paulo, no início de janeiro, determinou que a Gol deveria contratar uma empresa especializada na busca de animais e também que deveria arcar com a estadia e alimentação para Reinaldo e sua mãe durante 30 dias, para que eles pudessem acompanhar as buscas à Pandora.

A advogada Evelyne Paludo, que representa o tutor de Pandora, disse que a pet ter sido encontrada dentro do terminal de cargas do aeroporto de Guarulhos “mostra o quanto a Gol não empreendeu esforços para encontrar Pandora”. Ela complementou dizendo que a Gol só fez algo quando a “Justiça obrigou”. 

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Toten é atropelado por Caminhão de Lixo no Rio Branco em S.Vicente

Nesta manhã de terça feira (5), um toten de segurança da prefeitura de São Vicente foi atingido por um caminhão de lixo.

Bandidos armados se passam por cliente e roubam loja de manutenção de celular em S.V

Dois criminosos são flagrados roubando uma loja de manutenção de celular em São Vicente, na Baixada Santista. O roubo...

Corpo é encontrado dentro de canal de Praia Grande

O corpo de um homem foi encontrado em um canal próximo ao Bairro Aviação, em Praia Grande, na Baixada Santista, na manhã...

Professora realiza sonho de criança autista de voar

Uma criança com transtorno do espectro autista, de apenas 10 anos, realizou o sonho de voar de helicóptero graças a atitude de...

Mais um espaço exclusivo para pets inaugurado em Santos

O quarto espaço pet foi inaugurado em Santos, na Baixada Santista. Totalmente dedicado aos animais, localizado na Praça Nossa Senhora Aparecida.