segunda-feira, outubro 18, 2021
20.6 C
São Vicente
20.7 C
Santos
18.6 C
Peruíbe
20.6 C
Praia Grande
20.1 C
Itanhaém
20.7 C
Guarujá
20.2 C
Mongaguá
21.2 C
Bertioga

Ambulatório Irmã Dolores e CAPS em São Vicente estão há 3 meses sem luz

Leia mais

‘Elas Fazem’ abre nova turma para capacitar mulheres na área da construção civil

Nova oportunidade de capacitação para mulheres na área da construção civil. O projeto "Elas Fazem", abre nova turma na área de pequenos...

Prefeitura de São Vicente oferece capacitação para preparação de vitrines de lojas

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e relações do Trabalho (Sedect), em parceria com o Senac/Sebrae disponibiliza o curso de Vitrinismo...

Ônibus intermunicipal é apedrejado em tentativa de assalto em Praia Grande

Na noite de sábado (16), um ônibus que operava na linha 934EX da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU),...

Otrantur não paga empresas que sublocam micro-ônibus e frota é paralisada em São Vicente

Na manhã desta segunda-feira (18), representantes de empresas que sublocam os micro-ônibus para a Otrantur, responsável pelo transporte público de São Vicente,...

O prédio que abriga o Ambulatório de Saúde Mental e o Centro de Atenção Psicossocial, na Vila Cascatinha, em São Vicente está em péssimas condições de trabalho e atendimento. O vereador Jhony Sasaki mostrou, em suas redes sociais, os problemas do imóvel e cobrou providências da Administração Municipal.

No primeiro andar funciona o Ambulatório Irmã Dolores, que é responsável pelo atendimento psicoterápico de pessoas de todas as faixas etárias cujo objetivo é desempenhar uma função complementar à atenção básica.

A entrada e a sala de espera estão repletos de vazamentos de água. Baldes foram colocados pelos funcionários para evitar poças.

No espaço onde estão arquivadas 30 mil fichas, existe muito mofo nas paredes e os aparelhos de ar condicionado também não funcionam. O espaço deveria receber, por semana, 200 pessoas, mas, devido às condições, parte desses atendimentos foram adiados.

Segundo os funcionários, que preferem não se identificar, a quantidade de pacientes é muito grande para apenas dois médicos que realizam o atendimento no local. “A agenda acaba ficando muito longa. O paciente que busca atendimento acaba ficando muitos meses para ser atendido”, conta uma funcionária.

As paredes estão repletas de infiltração e mofo. O telefone não funciona há 3 anos e os aparelhos de ar condicionado também estão quebrados.

Nos dois andares de cima, onde funciona o CAPS, não tem energia elétrica há três meses. Vândalos roubaram os fios de cobre do local. E o atendimento tem sido realizado de maneira improvisada.

“Nós precisamos de luz, mais funcionários e equipamentos porque os nossos computadores, por exemplo, já têm mais de dez anos e mais ficam quebrados do que funciona”, relata outro funcionário.

Ciente do caso, o vereador Jhony Sasaki foi pessoalmente fiscalizar o prédio. “Eu fico muito triste quando informações como essa chegam até mim porque a saúde pública no município é muito sensível e a população precisa de atendimento de qualidade”.

Nas redes sociais, o vereador divulgou um vídeo relatando o caso. Segundo ele, a Administração Municipal disse já estar ciente do caso, que deve ser resolvido no próximo mês. “Conversei com a secretária de Saúde por telefone e, de acordo com a chefe da pasta, os trâmites legais, inclusive de licitação, para estabilizar a energia já está ocorrendo. Entre 20 e 30 dias o problema será resolvido”, conta.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

‘Elas Fazem’ abre nova turma para capacitar mulheres na área da construção civil

Nova oportunidade de capacitação para mulheres na área da construção civil. O projeto "Elas Fazem", abre nova turma na área de pequenos...

Prefeitura de São Vicente oferece capacitação para preparação de vitrines de lojas

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e relações do Trabalho (Sedect), em parceria com o Senac/Sebrae disponibiliza o curso de Vitrinismo...

Ônibus intermunicipal é apedrejado em tentativa de assalto em Praia Grande

Na noite de sábado (16), um ônibus que operava na linha 934EX da Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos de São Paulo (EMTU),...

Otrantur não paga empresas que sublocam micro-ônibus e frota é paralisada em São Vicente

Na manhã desta segunda-feira (18), representantes de empresas que sublocam os micro-ônibus para a Otrantur, responsável pelo transporte público de São Vicente,...

PAT de São Vicente oferece 8 vagas de emprego

Nesta segunda-feira (18), o Posto de Atendimento ao Trabalhador (PAT), de São Vicente, na baixada santista oferece 8 novas oportunidades de...