segunda-feira, novembro 7, 2022
22.9 C
São Vicente
20 C
Santos
21.8 C
Peruíbe
20 C
Praia Grande
21.1 C
Itanhaém
20.3 C
Guarujá
20.7 C
Mongaguá
19.5 C
Bertioga

Dia oficial de Luta Contra a Homofobia completa dez anos em SP

Leia mais

Copa do Mundo: Convocação da seleção Brasileira sai hoje às 13h

O técnico Tite anuncia nesta segunda-feira, 7, a lista dos convocados para defender a Seleção Brasileira em busca do hexacampeonato na Copa...

Homem suspeito de amordaçar e amarrar vítimas durante assalto é preso em São Vicente

Um homem de 50 anos, foi localizado e preso em São Vicente, na Baixada Santista, por invadir uma casa, amordaçar reféns e...

Anote ai: Caravana Natalina da Coca-Cola passará por SV, PG e Santos nos dias 6 e 7 de dezembro

A Caravana Natalina da Coca-Cola passará pelas cidades de Santos, São Vicente e Praia Grande em dezembro. O...

Tutora de labradora com câncer na pata vende camisetas para custear tratamento de R$ 20 mil

Foi um susto para Thaís Câmara, de 27 anos, tutora da labradora de apenas dois anos, diagnosticada com sarcoma (tumor maligno) na...

Na última segunda-feira (17), foi comemorado o Dia Estadual de Luta contra a Homofobia no Estado de São Paulo. A data consta no calendário oficial desde 2011, com a iniciativa do deputado Carlos Giannazi (PSOL).

Uma outra legislação (Lei 10948) aprovada neste ano, pela Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo em 2001, visa combater a discriminação contra orientação sexual ou identidade de gênero.

Lembrando que ambas iniciativas ocorreram bem antes do Plenário do STF (Supremo Tribunal Federal) caracterizar, em junho de 2019, o crime de homotransfobia como inafiançável, equiparado ao crime de racismo. Esta determinação vale até o Congresso Nacional aprovar legislação igual.

O Brasil ainda é o país que mais comete crimes contra a população LGBTQIA+ em todo mundo, com cerca de uma morte a cada 24 horas, sendo que estes dados ainda sofrem de subnotificação.

Em São Paulo, a delegacia responsável pelos crimes de homofobia é a Decradi (Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância de São Paulo), mas um boletim de ocorrência de crime relacionado à orientação sexual ou identidade de gênero pode ser feita em qualquer delegacia ou pela internet, no portal da Justiça e Cidadania: www.justica.sp.gov.br

Há o Projeto de Lei 625/2019, do deputado Teonílio Barba (PT), que dispõe sobre o funcionamento ininterrupto, inclusive aos sábados, domingos e feriados do Decradi. A proposta se encontra na Comissão de Constituição, Justiça e Redação.

Fonte: Diário do Litoral

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Copa do Mundo: Convocação da seleção Brasileira sai hoje às 13h

O técnico Tite anuncia nesta segunda-feira, 7, a lista dos convocados para defender a Seleção Brasileira em busca do hexacampeonato na Copa...

Homem suspeito de amordaçar e amarrar vítimas durante assalto é preso em São Vicente

Um homem de 50 anos, foi localizado e preso em São Vicente, na Baixada Santista, por invadir uma casa, amordaçar reféns e...

Anote ai: Caravana Natalina da Coca-Cola passará por SV, PG e Santos nos dias 6 e 7 de dezembro

A Caravana Natalina da Coca-Cola passará pelas cidades de Santos, São Vicente e Praia Grande em dezembro. O...

Tutora de labradora com câncer na pata vende camisetas para custear tratamento de R$ 20 mil

Foi um susto para Thaís Câmara, de 27 anos, tutora da labradora de apenas dois anos, diagnosticada com sarcoma (tumor maligno) na...

Suspeito de estar envolvido na morte de PM em feira livre é preso em São Vicente, SP

Um criminoso envolvido na morte do policial militar Amável Pinheiro Correa, de 71 anos, foi preso em uma comunidade de São Vicente, na...