sábado, maio 28, 2022
20.6 C
São Vicente
20.5 C
Santos
19 C
Peruíbe
20.5 C
Praia Grande
19.5 C
Itanhaém
20.5 C
Guarujá
20.4 C
Mongaguá
20.6 C
Bertioga

Por que agora zeladorias de ruas e bairros começam a surgir em várias cidades?

Leia mais

Projeto ‘É Hora de Arte’ retorna em Praia Grande 

O projeto É Hora de Arte retorna para a Baixada Santista, com oficinas gratuitas de teatro, dança, circo e grafite para crianças de 7...

Motorista de aplicativo tenta dopá jovem durante corrida em Santos

Uma jovem alega que um motorista de aplicativo em Santos, na Baixada Santista, tentou dopá-la durante uma corrida. A vítima conta que,...

A partir de julho os quiosques do Gonzaguinha serão transferidos para o Itararé em São Vicente, SP 

Os quiosques da praia do Gonzaguinha serão transferidos para unidades da Praia do Itararé em São Vicente, na Baixada Santista. A medida foi...

Polícia localiza barraco do crime em Santos

A Polícia Civil em Santos, na Baixada Santista, localizou um barraco usado para preparo e estoque de drogas. Além das drogas, anotações...
Equipe Baixada Na Redehttp://baixadanarede.com
Time de jornalistas e produtores de conteúdo. Baixada Na Rede

Não é de hoje que isso acontece, basta chegar o ano de eleitoral para aparecer as “falsas zeladorias”. É comum encontrar pessoas, tapando buracos, pintando postes, varrendo ruas, instalando bancos de praça e reclamando dos problemas da cidade. Tudo isso pode fazer parte de um jogo político oculto para induzir o seu voto.

A famosa maquiagem

Essas ações são lindas mas infelizmente por trás de algumas delas há segundas intenções políticas. Alguns grupos de populares podem estar sendo financiados por políticos e pré-candidatos. Supostas ONGS, também entram no jogo e são usadas para ludibriar o povo. Ainda nos dias de hoje muitas pessoas se vendem por pouco e apesar da falsa demonstração de carinho pelo bairro ou pela a cidade só estão pensando nas melhorias individuais e nos privilégios particulares.

Senhor José de 61 anos, nos enviou essa mensagem: Fico indignado quando percebo esse tipo de atitude, a “famosa maquiagem das ruas”, tem gente que se vende por uma mixaria e no final acabam prejudicando todos nós cidadãos de bem. A cada quatro anos eles aparecem por aqui com a mesma conversa mole. Mas o que me deixa mais indignado é que isso acontece no Brasil inteiro. Precisamos mudar essa situação! Eu já estou velho e tenho esperança de ver uma cidade e um país melhor para os meus netos. Ao ajudar eleger um candidato corrupto ou despreparado você está condenando todos nós a pagar a conta. Desabafou José.

Corrupção eleitoral

Corrupção eleitoral é um crime que está previsto no artigo 299 do Código Eleitoral (lei nº 4.737/1965). Nesse artigo, define-se corrupção eleitoral como: “Dar, oferecer, prometer, solicitar ou receber, para si ou para outrem, dinheiro, dádiva, ou qualquer outra vantagem, para obter ou dar voto e para conseguir ou prometer abstenção, ainda que a oferta não seja aceita”1.

Nessa lei, são considerados culpados tanto aquele que compra voto quanto aquele que o vende. No caso, aquele que compra é acusado de corrupção ativa, e aquele que o vende é acusado de corrupção passiva.

A punição prevista por lei para esse crime é de um a quatro anos de prisão, além do pagamento de 5 a 15 dias-multa. O termo “dia-multa” é um valor unitário utilizado pela legislação brasileira para determinar a cobrança de multa. A determinação do dia-multa é encontrado no artigo 49 do Código Penal.

Concentração de eleitores

Esse item é encontrado no artigo 302 do Código Eleitoral (lei nº 4.737/1965). No trecho em questão, esse termo consiste em “promover, no dia da eleição, com o fim de impedir, embaraçar ou fraudar o exercício do voto, a concentração de eleitores, sob qualquer forma, inclusive o fornecimento gratuito de alimento e transporte coletivo”2.

Numa definição bem simples, a lei determina que a aglomeração de eleitores com o intuito de intimidar outros eleitores e/ou de fraudar a eleição é proibida, e esse crime é considerado grave. Por isso, a legislação brasileira prevê uma punição mais dura para aqueles que cometerem esse tipo de infração. A pena para esse crime é reclusão de quatro a seis anos e pagamento de 200 a 300 dias-multa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Últimas notícias

Projeto ‘É Hora de Arte’ retorna em Praia Grande 

O projeto É Hora de Arte retorna para a Baixada Santista, com oficinas gratuitas de teatro, dança, circo e grafite para crianças de 7...

Motorista de aplicativo tenta dopá jovem durante corrida em Santos

Uma jovem alega que um motorista de aplicativo em Santos, na Baixada Santista, tentou dopá-la durante uma corrida. A vítima conta que,...

A partir de julho os quiosques do Gonzaguinha serão transferidos para o Itararé em São Vicente, SP 

Os quiosques da praia do Gonzaguinha serão transferidos para unidades da Praia do Itararé em São Vicente, na Baixada Santista. A medida foi...

Polícia localiza barraco do crime em Santos

A Polícia Civil em Santos, na Baixada Santista, localizou um barraco usado para preparo e estoque de drogas. Além das drogas, anotações...

26 de maio, Dia de Concientização Nacional do Glaucoma

Com o objetivo de conscientizar as pessoas sobre a doença que é a segunda maior causa de cegueira irreversível no mundo -...